Pular para o conteúdo principal

[Power BI Like a Pro] Compartilhando AUTOMATICAMENTE relatórios com novos usuários da sua equipe.

[Power BI] Usando a Cortana no Windows 10 para acessar Relatórios do Power BI.



Olá Meus amiguinhos tudo bem?

Vamos hoje aprender, se é que você ainda não sabe, como acessar relatórios do Power BI com a Cortana sem ter que usar o navegador, acessar o Power BI service e etc.

Antes de mais nada vou te fazer dois convites, conhecer o www.guiadax.com.br que contém mais de 100 funções DAX mapeadas com vídeos em Português, bem como conhecer meu canal no youtube youtube.com/rafaelmendonca


Então vamos iniciar a nossa brincadeira de hoje.

Você vai precisar ter um Windows 10 para realizar o nosso tutorial de hoje.

1 - Configurando um Relatório do Power BI


Criei um relatório no Power BI com dados quaisquer somente para efeito de entendermos como realizar as consultas com a Cortana.

Se você já teve curiosidade de ir nas configurações de página do Power BI e alterar o tamanho da página deve ter visto a opção "Cortana" e ela serve exatamente para criar relatórios num formato que possa ser visualizado na área da Cortana no seu Windows 10. Vamos então clicar no espaço vazio da nossa pagina e no Rolinho em "Tamanho da página" vamos selecionar a opção "Cortana". E sua área de trabalho do Power BI vai ser alterada para um formato mais vertical como se fosse um celular.



Vamos agora um pouco acima em "Informações da Página" e precisamos habilitar "P e R" para que possamos criar palavras chaves para chamar o relatórios com a Cortana.


Irei informar duas expressões chave separadas por virgula que poderei usar para chamar o Relatório.


Criei então dois visuais simples, um gráfico de barras e uma tabela.


Vamos salvá-lo e publicar num Workspace no serviço do Power BI. Pode ser inclusive no "Meu Workspace"


2 - Configurando sua Conta no Windows 10.

Enquanto nosso relatório está sendo publicado na Web, vamos então configurar nosso computador para acessar via Cortana os relatórios.

Vamos então no Menu Iniciar  e clicar na "Catraca" que existe no canto esquerdo.


Será aberta uma tela para configuração do Windows. Nessas configurações precisamos vincular nossa conta do Power BI a essa máquina indo no item "Contas".


Dentro de Contas, vamos em "Acessar trabalho ou escola" e clicar no "+ Conectar" .


Será então aberta uma tela pra informar o e-mail que você usa no Power BI, senha e etc.



Ao final nossa tela esperada de que está tudo ok e terminamos essa etapa.


E podemos ver agora nossa conta conectada ao Windows.


Mas não é só isso, precisamos também garantir o acesso da Cortana à nossa Conta Office 365. Não se preocupe se você não tem O Office 365, se você tem uma conta no serviço do Power BI por consequente você tem uma conta Office 365.

Para configurar isso você vai clicar no campo de PESQUISA da Cortana onde tem "Digite aqui para pesquisar"


Você vai clicar na opção que tem um desenho de um Caderno, selecionar a aba "Gerenciar Habilidades" e clicar em "Serviços Conectados".


Dentro da área de serviços conectados vamos ver que o "Office 365" está desativado. Bem precisamos então ativa-lo, clicando em cima de "Office 365" e depois selecionando "Conectar"




Será pedido novamente usuário e senha, que você informará suas informações de conta do Power BI.
E ao final o serviço "Office 365" aparecerá como ativado.


3 - Concedendo acesso à Cortana ao Conjunto de Dados.

Agora que a Cortana já possui acesso à nossa conta Office 365, precisamos em uma segunda camada de segurança conceder acesso ao Conjunto de dados específicos onde está o nosso relatório.

Com o Relatório já publicado na Web. Vamos no workspace em que publicamos, na guia "Conjunto de Dados" procurar o Conjunto de Dados criado e clicar na terceira opção que é de Agendamento.


Eu poderia querer configurar um Gateway e uma atualização agendada, mas para o que vamos fazer hoje não é necessário. Basta irmos no item "P e R e Cortana", marcar "Permitir que Cortana acesse este conjunto de dados" e manda Aplicar.


4 - Acessando o Relatório com a Cortana.

Todas as configurações estão feitas e se você fez tudo certo, agora vamos la na nossa Cortana (campo "Digite aqui para pesquisar" ao lado do menu iniciar), digitar uma das expressões chaves que criamos, aguardar alguns segundos e aparecerá o ícone do Power BI com a expressão que informamos e logo abaixo o nome do Conjunto de Dados. Ta tudo ok? Então clica em cima do item.


E bammm, ele nos mostrará na própria tela da Cortana o relatório do Power BI.


Vamos testar a outra expressão chave? E olha só, também deu certo.




É possível inserir filtros no relatório e utilizamos, bem como os filtros cruzados de visual também funcionam perfeitamente.

Espero que tenham gostado da dica de hoje.

Grande abraço e até a próxima.

Comentários

  1. Muito bacana essa dica Rafael. Parabéns por compartilhar mais essa com a comunidade.

    ResponderExcluir
  2. Essa dica é muito boa e o artigo ficou Top :)

    ResponderExcluir
  3. Sempre atualizando com conteúdos muito úteis !

    ResponderExcluir
  4. Mais uma dica fantástica, fácil de fazer e escondida pra caramba no Windows/Power BI/Office 365 , mais uma vez parabéns meu amigo ! 😃👏👏

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Power BI - Criando Ranking sem Repetições

Bom dia, Boa tarde e Boa noite, viciados em Power BI de todo Brasil. Vamos falar de Ranking? Se você já criou um ranking já se deparou com situações em que a expressão a ser ranqueada se repete e o que acontece? puff... o Power BI dá a todos o mesmo Rank. Isso as vezes pode te prejudicar se estiver tentando fazer um Gráfico de Pareto e vocês vão ver o porquê. Conhece meu canal no youtube? Nããããão????? ...que absurdo... então vai lá no youtube e se inscreve, já que tu ta de bobeira mesmo para ler esse artigo. CLICA AQUI! "Letra 'a' VAMOS COMEÇAR... " Tenho então duas tabelas fVendas, que tem os valores de vendas em um período X por cada vendedor e uma tabela dVendedores que tem o cadastro dos meus vendedores com um relacionamento entre elas na coluna [Vendedor]. Inserimos um visual de tabela dVendedores[Vendedor] numa coluna e fVendas[Vendas] na segunda coluna e um Rank do jeito "padrão" de fazer e novamente nenhum segredo para voc

5 coisas no Power Query que talvez nunca tenham te explicado ou mostrado.

5 coisas no Power Query que talvez nunca tenham te explicado ou mostrado. O Power Query   é o editor de consultas utilizado tanto no PowerBI   quanto no Excel (em algumas versões) e que tem enorme poder de transformação dos dados importados de fontes diversas, sejam elas estruturadas ou não. Usuários menos experientes utilizam o  Power Query  apenas com cliques nos elementos do MENU, o que sim pode ajudar bastante, mas entender as funções e detalhes que estão por trás desses cliques podem enriquecer o seu  ETL , resolver problemas que nunca seriam feitos com o simples uso dos botões e te ajudarão numa certificação Microsoft. 1 - Sabendo o que está acontecendo: Uma das coisas principais e essenciais no uso do  Power Query  é que, mesmo utilizando os botões no Menu, você consegue identificar que funções estão sendo utilizadas. Vou mostrar isso de duas formas: Barra de Formulas - Dessa forma você pode acompanhar na barra de formulas

[Power BI] O totalizador da minha Tabela ou Matriz "NÃO BATE" e agora?

Olá amantes de visuais de tabela e matriz no Power BI, tudo bem? Hoje vamos falar de um caso que vejo bastante nos grupos do Power BI. “O calculo na linha está batendo mas no total não e agora?” Mas antes de iniciarmos, que tal deixar aquela sua inscrição marota no meu canal no youtube que está recheado de vídeos legais, vai lá seu pão duro de like youtube.com/rafaelmendonca Agora que você já aliviou sua pão-durice você merece conteúdo .... kkkkkkkk Vamos lá, temos então a seguinte tabela gerada no meu conjunto de dados Essa tabela possui uma lista de vendas realizadas por dois vendedores com o numero da ordem da venda, um valor unitário e uma quantidade de itens em cada venda. O que queremos é bem simples meu jovem, calcular o valor total de cada venda e ter um total de todas as vendas... Aí você muito garotão usa a seguinte expressão DAX: E depois joga isso numa tabela. Lindo neh??? Mas o totalizador trouxe um valor que não tem